Prezados irmãos em Cristo,

Bem-aventurados os irmãos que sofrem, pois serão consolados.
Todo aquele que come deste pão viverá eternamente.

Essas frases, meus irmãos, nada mais são do que representações do sacrifício exemplificado pelo Cordeiro, para remissão das faltas da humanidade. Essa remissão não significa que Cristo apagou todos os erros da face da Terra, mas sim que exemplificou, com seu gesto de amor e doação em sacrifício, a necessidade que a humanidade possui de modificar suas ações e atuar em benefício ao próximo. Todo aquele que atua no amor de Cristo e faz dele seu exemplo diário, e que atua também como um exemplo de luz, será responsável pela salvação de milhares e milhões de almas necessitadas de auxílio para a ascensão.

Muito lhes foi dado pelo Pai, que incansavelmente coloca à suas portas a oportunidade de aprenderem a agir com amor, além das oportunidades de mostrarem sua caridade e o perdão para com o irmão que lhes fere. Muitos podem se machucar e sofrer, mas bem-aventurados são estes, que se doam em sacrifício para dar o exemplo, assim como Cristo Jesus o fez e continua fazendo, através de seus milhares de seguidores.

Sim, meus irmãos. Bem-aventurados os que sofrem, mas não os que sofrem gratuitamente colocando-se em papel de vítimas. Mas sim aqueles que doam o melhor de si em benefício do próximo, mesmo que isso signifique passar por provações dolorosas.

O Pai nunca se esquece dos irmãos que se doam em sacrifício. E suas penas cármicas, por esse gesto de amor e caridade, serão abrandadas. Pois se farão merecedores.

Que o Pai Celeste os guie sempre e conduza sempre a ascender em retorno a Si.

Fiquem em paz.

Espírito das Luzes
Fraternidade Branca Universal

Autor: Espírito das Luzes – Fraternidade Branca Universal
Local e data: São Paulo, 21/05/2016
Canal: Fernando

Comentários

comentários